GuidePedia


Nesse sábado, o Flamengo bateu o Atlético Goianiense na Ilha do Urubu com grandes atuações dos atletas vindos das categorias de base. Com uma dupla de ataque formada por Vinícius Júnior, de 17 anos, autor dos dois gols do rubro-negro, e Lucas Paquetá, de 19, comandaram o triunfo sobre o lanterna do Campeonato Brasileiro, na estreia do colombiano Reinaldo Rueda como técnico do Fla.

Atuando mais centralizado, como um ‘falso 9’, Paquetá atribuiu o sucesso de sua performance dentro de campo ao que tem feito fora dele, incluindo o processo de entrosamento com seu parceiro de ataque, também formado pelo clube.

“A gente vem trabalhando forte nos treinamentos e conversamos bastante. Viemos conversando no ônibus para nos conhecermos mais ainda e dentro de campo conseguimos dar nosso melhor. O mais importante foi ter ajudado o Flamengo”, apontou.

O camisa 39, que não era titular desde o Campeonato Carioca, admitiu o forte desgaste físico ao fim da partida. Mas conseguiu aguentar até o apito final, agradecendo o novo preparador físico Carlos Eduardo Velasco pelo trabalho feito na Gávea. “Fiquei por um tempo sem atuar um jogo inteiro, mas o professor vem fazendo um excelente trabalho físico e consegui suportar, mesmo com a dor. Agora é descansar, trabalhar e, quando tiver a próxima oportunidade, aproveitar novamente”, disse.

Paquetá vive a expectativa de continuar sendo utilizado por Rueda. Se depender da atuação deste final de semana, com certeza continuará ganhando oportunidades na equipe principal. O próximo duelo do Flamengo ocorre no meio de semana, pela semifinal da Copa do Brasil, contra o rival Botafogo. 

A partida de ida terminou empatada, sem gols, e as equipes decidirão, na Ilha do Urubu, qual carioca será finalista do torneio.

Fonte: Espn

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub



 
Top