GuidePedia


A barbárie iniciada após a partida em São Januário pode trazer graves consequências esportivas para o Vasco.

Em contato com a reportagem do UOL, o procurador-geral do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Felipe Bevilacqua, informou que o clube deve ser enquadrado no artigo 213 do CBJD, existindo ainda a possibilidade de se anotar uma irregularidade no artigo 211 e até mesmo de uma interdição momentânea da casa cruzmaltina.

"Precisamos avaliar muito bem e entender a origem. Vamos tentar ser ágeis.Podemos ter até mesmo uma interdição provisória, além do posterior julgamento dos artigos", explicou.

De acordo com a lei, isso poderá render pena de um até dez mandos de campo para o Cruz-maltino, que ainda tem 12 jogos para dispuitar em sua casa até o final do Campeonato Brasileiro. Além disso, o clube pode receber multa de até R$ 100 mil.

Após o jogo, Eurico Miranda, presidente vascaíno, deu a entender que já conta com um gancho do tribunal ao dizer não temer nenhuma decisão dos auditores. Eurico relacionou o problema ao clima eleitoral que toma conta do clube e garantiu ter tomado todas as medidas cabíveis para garantir a segurança dos torcedores.

"Isso é premeditado. Apesar de muitos estarem torcendo contra, o futebol vai. Com certeza vai. Nada do que pretendem fazer em relação a tumultuar o futebol, para prejudicar, vão atingir. O Vasco seguirá seus objetivos", disse o dirigente.

Após a batalha campal que se transformou São Januário depois da derrota por 1 a 0 sobre o Flamengo, Anderson Daronco, árbitro do jogo, relatou o que viu da confusão generalizada. Em seu relato, o gaúcho informou que diversos objetos foram atirados para dentro do gramado e que torcida e policiais entraram em confronto.

"Relato que após o término da partida, a torcida do Vasco jogou uma bomba dentro do campo de jogo. Com a intervenção da Polícia Militar iniciou um conflito dos torcedores do Vasco com a Polícia Militar, em que estes torcedores lançaram bombas contra a Polícia Militar na arquibancada e para dentro do campo de jogo. Após isto, foram arremessados pela torcida do Vasco copos, latas, bombas para dentro do campo de jogo, em direção dos policiais e na direção da imprensa que fazia a transmissão da partida", relatou Daronco.

Em campo, o Vasco foi derrotado por 1 a 0 pelo Flamengo, mas o prejuízo deverá ser bem maior do que apenas uma derrota para o arquirrival.

Fonte: Uol

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub



 
Top