GuidePedia


A derrota para o Santos por 4 a 2 na Vila Belmiro, na noite de quarta-feira, irritou os jogadores do Flamengo. Apesar da classificação às semifinais da Copa do Brasil, graças ao critério do gol fora de casa — já que o time havia vencido o jogo de ida por 2 a 0 —, os atletas mostraram frustração com o resultado. Um lance, em especial, expôs o incômodo: o segundo gol santista, quando o zagueiro Rafael Vaz errou uma saída de jogo e cedeu escanteio que permitiu o cabeceio de Copete.

O erro de Rafael Vaz não foi aliviado pelos colegas de equipe no calor do jogo. O lateral-direito Pará foi até a beira do campo para reclamar do zagueiro com o técnico Zé Ricardo, questionando o porquê da saída arriscada em vez de um chutão para longe da área. Outros jogadores deram claros sinais de insatisfação, com expressões de desgosto.

Zé Ricardo evitou falar diretamente de Vaz ao comentar os erros da equipe:

— Não queremos individualizar nenhum tipo de erro. Nenhum culpado. Conseguimos nosso gol, tivemos oportunidades ainda no primeiro tempo. Em três lances, demos o contra-ataque para o Santos. Isso é inadmíssvel em uma equipe experiente como a nossa — afirmou o treinador, que considerou “natural” a cobrança dos companheiros em relação a Vaz:

— Isso acontece, é natural. Não será a primeira nem a última cobrança dentro do jogo. Quem vive no futebol sabe que isso faz parte.

Com o avanço às semifinais, o próximo adversário do Flamengo na Copa do Brasil será o Botafogo.


Fonte: O Globo

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub



 
Top