GuidePedia


Agora é matar ou morrer. É com esse cenário que o Flamengo encara o Iranduba, nesta quinta-feira, às 15h (de Brasília), no campo do Cefan, no Rio de Janeiro, pelo duelo de ida das quartas de final da Série A1 do Campeonato Brasileiro feminino. O Rubro-negro carioca é o atual campeão do torneio, enquanto a equipe amazonense nunca havia ido tão longe na disputa.

Flamengo - Ricardo Abrantes

Apesar do caneco da última edição, o Flamengo realizou uma campanha irregular em 2017, encerrando a fase de grupo na terceira colocação, com 25 pontos. Na última rodada, contra o Vitória, a equipe comandada por Ricardo Abrantes atuou com as reservas, e mesmo assim venceu por 3 a 0. Os pilares desse elenco são três. No sistema defensivo, a experiente Tânia Maranhão, de 42 anos e duas pratas em Olimpíadas, passa experiência para as companheiras de defesa. No setor ofensivo, as protagonistas são a camisa 10, Bárbara, e camisa 9, Pamela, que balançaram as redes cinco vences cada.

Iranduba - Sérgio Duarte

O Verdão encerrou a primeira fase com a segunda melhor campanha do Grupo 1, com 36 pontos, apenas um abaixo do Corinthians. Foram apenas duas derrotas pelo caminho. A última, diante do Kindermann-SC, foi a pior partida do time amazonense na etapa nacional. Para o duelo contra o Flamengo, Sérgio Duarte não poderá contar com a lateral Sinara, que se recupera de um problema de saúde. Por outro lado, a volante Djeni, que estava com a Seleção Brasileira, se juntou ao grupo e, dependendo das condições físicas, pode começar entre as titulares. Caso contrário, entra a substituta Cris.

Quem está fora: Sinara (Lesionada)

O árbitro será a carioca Rejane Caetano da Silva. Ela será auxiliada pelos conterrêneos Lilian da Silva Fernandes Bruno e Carlos Henrique Cardoso de Souza. Daniel Victor Costa Silva será o quarto árbitro.

Fonte: GE

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub



 
Top