GuidePedia


Mesmo sendo derrotado pelo Flamengo, o Santos não se lançou ao ataque durante o jogo desta quarta-feira, dando demonstrações de estar satisfeito com o resultado parcial de 1 a 0 contra. Porém, Cuéllar acertou um chutaço no ângulo e ampliou a vantagem carioca, aos 42 minutos do segundo tempo, deixando o Peixe em situação muito complicada na Copa do Brasil.

Agora, para conseguir avançar às semifinais da competição, o alvinegro precisará vencer o Rubro-Negro por três gols de diferença no confronto de volta, que acontece na Vila Belmiro, no próximo dia 26 de julho. E mesmo sendo conhecido mundialmente como o time que tem o ‘DNA ofensivo’, o Santos tem encontrado dificuldade para vencer por placares elásticos em 2017.

Na temporada, o Peixe conquistou apenas duas vitórias por mais de três gols de diferença. A primeira aconteceu logo na estreia oficial do time na temporada. No dia 3 de fevereiro, os santistas fizeram 6 a 2 no Linense, na Vila, no primeiro jogo do Campeonato Paulista.

A goleada inicial deixou a torcida esperançosa por um bom desempenho da equipe no ano. Porém, o alvinegro oscilou bastante e só conseguiu golear novamente no último dia 23 de maio, quando bateu o frágil Sporting Cristal por 4 a 0, ainda na primeira fase da Conmebol Libertadores Bridgestone.

“O 2 a 0 dobrou a dificuldade, mas o Santos vai jogar. Temos que fazer três. Vamos atacar. Tudo pode acontecer na Copa do Brasil”, disse o técnico Levir Culpi.

Mesmo com a derrota difícil de digerir, os santistas precisam esquecer a Copa do Brasil, pois o Campeonato Brasileiro não para e a equipe terá pela frente o Atlético-GO no próximo sábado, às 19h, em Goiânia.


Fonte: FoxSports

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub



 
Top