GuidePedia

 
Quando o Flamengo vendeu Jorge por 9 milhões de euros (R$ 30,5 milhões na época), a torcida rubro-negra se desiludiu e torceu o nariz para o peruano que chegava para ser reserva do jovem formado na Gávea. Contratado antes da saída do prata da casa para o Monaco ser ratificada, Trauco surpreendeu rapidamente. Hoje seu nome é citado como jogador com potencial para jogar na Europa, e o Rubro-Negro estipulou sua multa para clubes do exterior em cerca de R$ 200 milhões (aproximadamente 55 milhões de euros). 

Tais cifras escancaram uma convicção do Flamengo sobre o peruano nascido em Tarapoto: negociá-lo não está nos planos da direção rubro-negra.
- Nunca tivemos nada de consulta e proposta por ele. E ele não sai - disse Rodrigo Caetano, diretor executivo do Flamengo.
Os principais jornais peruanos vincularam nesta semana o nome de Miguel Trauco ao francês Olympique de Marselha e ao espanhol Sevilla, mas César Bottega, um de seus agentes, faz coro a Rodrigo Caetano e nega qualquer contato oficial. Na imprensa espanhola, já foi tratado como melhor lateral do Brasil. 

- Pela temporada que o Trauco vem fazendo, tanto no Flamengo quanto na seleção peruana, é normal que chame a atenção de outros clubes. Até o momento, nenhuma proposta chegou, mas sondagens sempre acontecem. O Trauco está muito feliz no Flamengo, realizando o sonho de jogar no futebol brasileiro, e muito bem adaptado ao Rio de Janeiro. 

Trauco estreou pelo Flamengo em 21 de janeiro de 2017, substituindo Jorge após o primeiro tempo da derrota por 2 a 1 para o Vila Nova-GO, em amistoso, no Serra Dourada. Sete dias depois, em sua primeira aparição em partidas oficiais, jogou muito. Fez um gol e deu duas assistências na goleada por 4 a 1 sobre o Boavista.

Nesse jogo, mostrou que o entrosamento com Guerrero, um dos que referendaram sua contratação, seguia afinado como o apresentado na seleção peruana. É comum vê-lo lançando seu compatriota em profundidade. Posteriormente, apresentou o potente chute que tem no pé esquerdo. Conseguiu importantes gols de fora da área contra San Lorenzo (4 a 0), na estreia rubro-negra na Libertadores, e Fluminense (2 a 2), no domingo passado. 

Apelidado de "El Genio" no Peru e melhor jogador do Campeonato Peruano passado, Trauco certamente não era o principal desejo da torcida rubro-negra na janela do início do ano, mas sua inteligência, bom passe e qualidade o transformaram no reforço que mais deu retorno técnico em 2017 até agora. 

Fonte: GE

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub



 
Top