GuidePedia


Na última quarta-feira, o UOL Esporte mostrou como a Embaixada São-paulina no Rio de Janeiro se posicionou contra preços considerados abusivos para ingressos no setor visitante da Ilha do Urubu, palco do embate entre Flamengo e São Paulo, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, neste domingo. O manifesto ganhou força nas redes sociais, chamou a atenção até mesmo de flamenguistas e motivou o Tricolor a ajudar sócios-torcedores cariocas.

A diretoria do São Paulo entrou em contato com a Embaixada para informar que doaria 50 ingressos para membros do programa ST e teve a atitude elogiada em novo pronunciamento do grupo. "Independentemente do time pelo qual torcemos, vemos que o São Paulo é um exemplo a ser seguido, não só pela política de preços acessíveis, mas também por ações feitas com o torcedor que reside fora de São Paulo. Acreditamos que se mais times tivessem essa visão, de respeito com a própria torcida e com a visitante, o futebol brasileiro se tornaria melhor e mais prazeroso", diz o comunicado.

Além do movimento do Tricolor, a Embaixada viu torcidas vinculadas ao Flamengo se mobilizarem contra os altos preços praticados pelo clube rubro-negro - R$ 200 na área destinada aos visitantes. Urubuzada, Jovem e torcedores comuns do Fla e de outras equipes do Rio procuram os são-paulinos para demonstrar solidariedade e elogiar o manifesto publicado nesta semana.

Há, inclusive, a ideia de organizar um protesto antes do jogo de domingo na Ilha do Urubu. Com faixas e cartazes, os torcedores querem, mais uma vez, cobrar valores mais acessíveis no futebol brasileiro. Segundo a Embaixada São-paulina no Rio de Janeiro, o Flamengo também prometeu analisar possíveis mudanças na política de cobrança dos ingressos.

Fonte: Uol

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub



 
Top