GuidePedia


O empate sem gols entre Flamengo e Botafogo, pelo Campeonato Brasileiro, indignou o ex-presidente do Rubro-negro Kleber Leite. Em seu blog, o ex-dirigente foi taxativo no texto e fez duras críticas ao técnico Zé Ricardo - da escalação do time ao fato de ele sempre substituir no intervalo.

“Hoje, o nosso Zé Ricardo teve a sua pior participação como treinador do Flamengo. Se o jogo de hoje fosse contra o Barcelona ou Real Madrid, ainda daria para justificar uma escalação com Cuellar, Arão e Márcio Araújo. Mas contra o Botafogo? Francamente… E, qual é o problema que tem o nosso treinador para alterar o time no intervalo? Será superstição? Qualquer treinador voltaria para o segundo tempo com Diego e Vinícius Júnior. Mais primário, impossível! Enfim, vida que segue. Perdemos dois pontos absurdos”, escreveu o ex-mandatário.

Leite ainda citou a escolha do clássico ser jogado em Volta Redonda e não no Maracanã.

“Para começar e, com todo respeito, este Flamengo x Botafogo era jogo para o Maracanã. Entendo a posição da diretoria, seu inconformismo com o que a Odebrecht cobra pelo aluguel do Maracanã, mas foi uma decisão muito mais para atender uma postura de negociação, do que para atender a necessidade do time, que precisava destes três pontos. E vou mais longe. Mesmo com o aluguel caro, duvido que no Maracanã o resultado financeiro não fosse infinitamente melhor. E, pior foi ouvir Zé Ricardo reclamar do gramado do Raulino de Oliveira. Será que ninguém sabia disso? E o jogo poderia ter sido no Maracanã”, reclamou o ex-dirigente.

Mas o texto não foi apenas de críticas. Leite elogiou a atuação do jovem Vinicius Jr., que fez o seu melhor jogo como profissional do Flamengo, e também a volta do meia Diego, que estava lesionado e desfalcou o time por quase dois meses.

“De bom? Vinícius Júnior e Diego, que se tivessem jogado mais tempo, certamente o resultado do jogo teria sido outro. Estes dois pontos coloco na conta do nosso treinador, sem nenhum receio de estar sendo injusto. E, por favor, que tenha servido de lição. Chega de jogar com apenas um atacante. Guerrero é bom jogador, mas não é santo milagreiro…”, disse.


Fonte: Extra

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub



 
Top