GuidePedia


Atlético-MG x Botafogo e Flamengo x Santos de um lado, Atlético-PR x Grêmio e Palmeiras x Cruzeiro do outro. A CBF sorteou nesta segunda-feira os confrontos nas quartas de final da Copa do Brasil e o chaveamento até a decisão. Dos oito clubes classificados, apenas a Raposa entrou antes das oitavas na competição. É o único que pode ser campeão disputando mais do que oito jogos. Explica-se: é o único dos que restaram que não disputou a Copa Libertadores de 2017. Seis dos classificados estão também nas oitavas da competição sul-americana - o Flamengo caiu na fase de grupos. A próxima fase da Copa do Brasil terá seus primeiros jogos no dia 28 de junho - as oitavas da Libertadores começam em 4 de julho, na semana seguinte. Veja o histórico dos duelos no torneio e o que fizeram os oito clubes classificados em busca da taça da Copa em 2017.

Atlético-MG x Botafogo

Galo e Fogão disputam vaga pela quarta vez na história da Copa do Brasil. A vantagem é toda dos cariocas, que eliminaram os mineiros nas três vezes em que se encontraram: 2007 (quartas), com 0 a 0 e 2 a 1, 2008 (quartas), com 0 a 0 e 2 a 0 e 2013 (oitavas), com 4 a 2 e 2 a 2. Neste ano, o Botafogo decide em casa.

Flamengo x Santos

Fla e Peixe disputam uma vaga na Copa do Brasil pela segunda vez na história da competição. O único encontro aconteceu na edição de 2000, também nas quartas. O Santos passou sem dificuldades, com vitórias por 4 a 0, no Maracanã, e 4 a 2, na Vila Belmiro. Neste ano, o Peixe decide em casa.

Palmeiras x Cruzeiro

Rivais em duas finais (1996 e 1998), Verdão e Raposa se encontram pela quarta vez na Copa do Brasil. Dá pra dizer que quem vence é campeão, já que no último encontro, em 2015, o Palmeiras levou a taça após eliminar o Cruzeiro nas oitavas: 2 a 1 e 3 a 2, jogo este o primeiro de Gabriel Jesus como titular. Em 1996, os mineiros foram campeões: 1 a 1 e 2 a 1. Em 1998, os paulistas perderam em Minas (1 a 0) e venceram em São Paulo: 2 a 0. Neste ano, o Cruzeiro decide em casa, assim como em 2015.

Grêmio x Atlético-PR

Tricolor e Furacão reeditam as oitavas do ano passado, duelo que marcou a estreia de Renato Gaúcho em sua volta ao banco de reservas do Grêmio. O técnico comandou o time na volta, quando a vitória veio nos pênaltis, em casa. O Atlético-PR perdeu em casa (1 a 0) e venceu fora mesmo placar. O Furacão eliminou os gaúchos em 2013 (semi) e o Grêmio levou a melhor em 1996 (oitavas). Neste ano, o Atlético-PR decide em casa.

Fonte: Lance

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub



 
Top