GuidePedia


Invicto há quatro jogos no Campeonato Brasileiro, o Flamengo tenta dar sequência à sua boa fase neste domingo, às 18h30, diante do Bahia, em Salvador. E, para isso, conta com a estreia do seu mais caro reforço em 2017: Éverton Ribeiro, que custou cerca de R$ 22 milhões aos cofres do clube. Se depender só dos números do meia nas últimas edições do Brasileiro que disputou, o rubro-negro tem tudo para embalar e se permitir sonhar alto na competição.

Em 2013 e 2014, Éverton foi campeão com o Cruzeiro e, de quebra, eleito o craque do campeonato. Foram 66 jogos no total, com 44 vitórias, 11 empates e 11 derrotas. Um aproveitamento de 72,2%. Até agora, a equipe conquistou 14 dos 27 pontos que disputou, com 51,9% de aproveitamento, na oitava posição da tabela.

‘VAI AJUDAR MUITO’

Aos 28 anos, Éverton Ribeiro vai precisar de um período para se readaptar ao futebol brasileiro, mas, após alguns treinamentos, já conta com a confiança do grupo e da comissão técnica. Ele ganhou a posição de titular já na primeira partida em que esteve disponível para o técnico Zé Ricardo.

— O Éverton Ribeiro vai nos ajudar muito. Jogador de qualidade indiscutível. É mais uma arma que teremos para os próximos jogos — analisou o meia Diego.

No jogo de hoje, o camisa 7 vai atuar pela direita do ataque rubro-negro, ao lado de Guerrero. Quem também deve jogar no setor é Matheus Sávio, que no fim da semana de treinos no Ninho do Urubu parece ter agradado mais ao técnico Zé Ricardo do que Berrío. O colombiano era o favorito a atuar pelo lado esquerdo, a posição de Éverton, que está suspenso. Vinícius Júnior, como na vitória sobre a Chapecoense, na quinta-feira, deve ficar no banco de reservas.

No setor defensivo, Rhodolfo, também recém-contratado, deve ter a primeira oportunidade como titular, no lugar de Juan, suspenso por ter recebido o terceiro amarelo. O zagueiro entrou em campo no segundo tempo da partida contra a Chapecoense e afirmou ser capaz de atuar por 90 minutos. Ele formará a dupla de zaga com Rafael Vaz. Ontem, foi confirmada a ausência de Réver, que não se recuperou da pancada sofrida na coxa esquerda no início do segundo tempo, na quinta-feira.

Contra o Bahia, o Flamengo pode tentar se aproveitar de um time pressionado. Com boas perspectivas no Brasileiro, o tricolor baiano teve um início promissor, com três vitórias em cinco jogos, mas vive uma fase ruim.

Agora sem Guto Ferreira, que foi para o Internacional, na Série B, o time não tem tido bons resultados com Jorginho. No Brasileiro, já são quatro partidas sem vitória, incluindo uma goleada de 4 a 2 sofrida para o Palmeiras, em casa.

TRAUCO VALORIZADO

Enquanto vê uns chegarem, o Flamengo sabe que a janela expõe também seus jogadores mais valorizados ao assédio de clubes europeus. É o caso do peruano Miguel Trauco.

Contratado para ser opção no banco para Jorge, que posteriormente foi negociado com o Monaco, o lateral-esquerdo já teve seu nome especulado pela imprensa peruana para jogar no Olympique de Marselha, da França, e no Sevilla, da Espanha. Publicamente, o rubro-negro afirma que não pretende negociar o jogador.

BAHIA X FLAMENGO

Bahia: Jean, Eduardo, Tiago, Rodrigo Becão e Matheus Reis; Juninho, Matheus Sales, Vinicius, Allione e Zé Rafael; Edigar Junio.

Flamengo: Thiago, Rodinei, Rafael Vaz, Rhodolfo e Trauco; Márcio Araújo, Willian Arão e Diego; Éverton Ribeiro, Matheus Sávio (Berrío) e Guerrero.

Juiz: Igor Junio Benevenuto (MG).

Local: Estádio Fonte Nova, em Salvador.

Horário: 18h30m.

Transmissão: Sportv, Premiere e Rádio Globo.




Fonte: O Globo

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub



 
Top