GuidePedia


Flamengo não terá seu principal jogador no momento de se reerguer da queda na Libertadores. Diego ainda precisa de algumas semanas para voltar a jogar e tentar ser o herói que a torcida esperava em campo na derrota para o San Lorenzo. O objetivo é ter o meia 100% para o resto da temporada.

Se havia expectativa para o jogador retornar contra o San Lorenzo, agora a volta no jogo eliminatório da Copa do Brasil contra o Atlético-GO, na próxima quarta-feira, está praticamente descartada.

REGRESSÃO NO TRATAMENTO

Depois de se esforçar para se recuperar a tempo do torneio continental, o jogador regrediu do campo para a academia, e agora intensifica o processo de fortalecimento muscular para que não sofra com nenhuma lesão devido à carga no joelho operado. Diego chegou a correr com bola no gramado e fazer exercícios com bola.

Sob os cuidados do fisioterapeuta Fred Manhães, o meia alterna trabalhos aeróbicos na bicicleta, onde há menos impacto, com exercícios de carga e até com bola.

A ausência de Diego foi sentida na eliminação da Libertadores. Apesar disso, o clube disse que houve alternativas para sua ausência, com a utilização de esquema com três volantes e o improviso de peças no meio-campo.

— Perdemos com o Diego no Chile para a Universidad Católica. Não se pode creditar à ausência dele, apesar de ser um grande jogador. Tem varias formações táticas, jogadores da posição. Mudou o sistema, apenas — afirmou o diretor executivo Rodrigo Caetano.

Fonte: O Globo

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub



 
Top