GuidePedia


A próxima quarta-feira (7) será marcada por mais uma homenagem às vítimas da tragédia com o avião da Chapecoense na Colômbia. Depois das cenas que comoveram o mundo na Arena Condá e no estádio Atanasio Girardot, em Medellín, torcedores dos quatro grandes clubes do Rio de Janeiro se organizam nas redes sociais para um abraço coletivo no Maracanã.

A ideia partiu do botafoguense Jonatas Costa, logo encontrou adeptos dos demais clubes e se propagou por Facebook e Twitter. Pelo menos 20 mil torcedores confirmaram presença no ato e ainda existe a esperança de o estádio abrir as portas, algo que é praticamente impossível, pois não existe mais datas para eventos beneficentes em 2016.

A homenagem terá concentração na rampa da estação de metrô do Maracanã e a previsão é a de que comece às 19h (de Brasília), de quarta-feira (7). A data marcaria o segundo jogo da final da Copa Sul-Americana entre Chapecoense e Atlético Nacional de Medellín.

Os torcedores iniciarão a caminhada dali até o abraço coletivo no principal palco do futebol brasileiro. Os organizadores pedem para que as camisas dos clubes cariocas não sejam utilizadas.

A prioridade é vestir verde ou branco por conta da Chapecoense e utilizar demais materiais nas cores solicitadas, tais como cartazes, faixas e bolas. A mobilização é constante nas redes sociais e os torcedores ainda sonham com a abertura do Maracanã. Independentemente disso, o ato está marcado e promete mais uma dose de emoção no momento mais duro do esporte nacional.

Fonte: Uol

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub


 
Top