GuidePedia


A quatro rodadas do fim do Brasileiro, o Flamengo ainda sonha encontrar o pote de ouro ao fim do arco-íris. Mas os objetivos concretos são outros. O primeiro é retomar ao menos a segunda posição para levar um prêmio maior da CBF. Na terceira colocação, o clube deixa de ganhar R$ 3.400.000 — o valor despenca de R$ 10.700.000 para R$ 7.300.000.
Mas o alvo principal é terminar o campeonato sem desgastar a imagem que o bom trabalho na atual temporada deixou. A ideia é que a última impressão do elenco e do técnico Zé Ricardo garanta um planejamento tranquilo para o ano que vem.
Há quatro jogos sem vitória, o treinador vive sua fase de maior questionamento, mas tem respaldo da direção. O arco-íris que apareceu nesta terça-feira no Ninho do Urubu, durante a representação, parecia anunciar tempos de renovação. Zé Ricardo observou todos os jogadores em um treino com bola e indicou que os dez dias sem partidas até o confronto com o América-MG serão de testes e reflexões.
Mancuello e Everton se recuperaram de lesão e devem ficar à disposição. Fora do jogo, suspenso, o zagueiro Réver rechaçou qualquer ambiente de crise ao fim da temporada pelas chances menores de título.


— Não digo que hoje seria o pior momento. Seria se estivéssemos brigando para não ser rebaixados. A chance é pequena, mas tem — ressaltou o capitão:

 — O sentimento é que poderíamos estar numa posição melhor. Mas temos tudo para subir na tabela de novo.
Se não achar um pote de ouro ou o título, o Flamengo quer chegar ao fim do arco-íris de forma digna.
Fonte: Extra Globo

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub


 
Top