GuidePedia


O retorno ao Maracanã ainda não se provou vantagem para o Flamengo nos resultados, mas, em números, o Rubro-Negro comemora a volta para casa. Em dois jogos, o clube da Gávea teve somente dois empates, mas média de cerca de 50 mil pagantes e R$ 1 milhão de lucro, permitindo projeção otimista para 2017.

Otimista, porém incerta, já que o Flamengo não dá certeza da permanência no Templo do Futebol no próximo ano. Isso porque o estádio está sem dono desde a desistência da Odebrecht em continuar com a gestão. O governo do estado do Rio de Janeiro também não pensa em pegar o estádio de volta, o que exigiria nova licitação. Diretor geral do clube, Fred Luz que ou o Rubro-Negro se torna protagonista da gestão, ou procura outro estádio.
“O Flamengo tem que ser protagonista neste processo. Qualquer empresa que assumir buscará seu lucro em cima das receitas do Flamengo. Nosso objetivo é gerar riqueza para investir em seu time, no relacionamento com seus torcedores, não enriquecer terceiras empresas. É claro que o clube terá necessidade de empresas parceiras, mas como prestadoras de serviço e não protagonista. Neste momento, esta é a discussão que temos com o Estado. Quem paga mais de 100 milhões de reais por ano em dívida tem capacidade de investir 150 milhões em um estádio. Não seria bom para o Maracanã nem para o Estado, mas o Flamengo não vai hesitar em tomar esse caminho, de construir um novo estádio, se necessário”.
Neste ano, o Flamengo conta com lucro não usual com o Maracanã por conta do acordo com o Comitê Rio 2016, que estendeu o prazo e ficou com a gestão do estádio até 30 de novembro de 2016. Tanto o Rubro-Negro como o rival Fluminense são responsáveis por toda a organização. Na estreia contra o Corinthians, por exemplo, mesmo com penhoras na casa dos R$ 200 mil, o clube da Gávea, levou R$ 1.593.042,84. Em todo o ano de 2015, os cariocas tiveram receita bruta de pouco mais de R$ 40 milhões.

Fonte: Ei

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub


 
Top