GuidePedia


O domingo (20) reserva fortes emoções ao torcedor do Flamengo. Contra o Coritiba, às 19h30 (de Brasília), no Maracanã, o Rubro-negro tem a obrigação de vencer o compromisso para manter as chances de conquistar o Campeonato Brasileiro. Mas os olhares da torcida também estarão voltados para outros dois jogos que serão disputados duas horas e meia antes. 
Às 17h (de Brasília), o Santos visita o Cruzeiro e o Palmeiras recebe o Botafogo. A torcida do Flamengo "seca" o time paulista. No cenário dos sonhos, uma vitória sobre os paranaenses somada aos tropeços (derrotas) de Santos e Palmeiras, deixariam os cariocas a dois pontos do 1º colocado.
A 36ª rodada pode ser benéfica ao Flamengo, mas também sepultar de vez o "cheirinho de hepta". O Campeonato Brasileiro pode conhecer o seu campeão. Para isso, basta que o Palmeiras vença o Botafogo, o Santos perca para o Cruzeiro e o Rubro-negro empate ou seja derrotado pelo Coritiba.
O Flamengo reconhece que tem uma missão complicada no que diz respeito ao título, mas trabalha com a obrigação das vitórias independentemente do topo da tabela. Se não der para ser campeão, o time quer pelo menos garantir uma vaga no G-3, que dá vantagem e coloca o clube já na fase de grupos da Copa Libertadores de 2017.
"Sabemos o caminho e o que precisamos para buscar o título. Conhecemos bem o que fazer para conseguir vitórias em sequência. Temos jogos duros pela frente. É ter concentração na reta final, apurar os sentidos, tirar aquela bola lá atrás... O que fizemos até agora nos levou à terceira colocação, mas sabemos o que fazer para chegar às vitórias", explicou o volante Willian Arão.
Para o decisivo confronto contra o Coritiba, o técnico Zé Ricardo terá os retornos do goleiro Alex Muralha e do atacante Paolo Guerrero. Os dois estavam com as seleções brasileira e peruana, respectivamente. A dupla de zaga titular formada por Réver e Rafael Vaz, além do atacante reserva Emerson Sheik, também estão de volta após cumprirem suspensão.
FLAMENGO X CORITIBA
Data/hora: 20/11/2016, às 19h30 (de Brasília)
Local: Maracanã, no Rio de Janeiro(RJ)

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Auxiliares: Guilherme Dias Camilo (MG) e Pablo Almeida da Costa (MG)


Flamengo
Alex Muralha; Pará, Réver, Rafael Vaz e Jorge; Márcio Araújo, Willian Arão e Diego; Everton, Fernandinho e Guerrero

Técnico: Zé Ricardo


Coritiba
Wilson; César Benítez, Walisson Maia, Juninho (Nery Bareiro) e Carlinhos (Juninho); Amaral, Juan (Yan ou Iago) e Raphael Veiga; Leandro, Kazim e Kleber

Técnico: Paulo César Carpegiani


Fonte: UOL

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub


 
Top