GuidePedia


Neste domingo, além da briga pelo vice-campeonato, o Maracanã terá outra atração especial: o reencontro entre Diego e Santos, onde o astro do Flamengo brilhou intensamente de 2002 a 2004. O meia, em coletiva, disse que o confronto será especial e ter o Santos no coração.

A bola rola às 17h, e o GloboEsporte.com selecionou outros duelos de rubro-negros que enfrentaram clubes onde marcaram época. 

Show de Ronaldinho Gaúcho

Três dias após marcar três gols na histórica virada por 5 a 4 sobre o Santos, Ronaldinho pegou o Grêmio pela primeira vez vestindo vermelho e preto em 30 de julho de 2011, num sábado. Deu assistência para Thiago Neves, elástico em Mário Fernandes e um gol de esperteza. Um show!

Baixinho promete e cumpre

Formado no Vasco, Romário, em sua apresentação ao Flamengo, recomendou os cruz-maltinos a levarem lenços porque chorariam muito em seu primeiro Clássico dos Milhões. Em 7 de maio de 1995, fez o gol da vitória por 1 a 0 e ironizou a torcida rival com a simulação de um choro.

Renato Gaúcho sofre com marcação do Grêmio

Herói do único Mundial gremista e cria da base tricolor, Renato não teve grande atuação no empate por 1 a 1 com o Grêmio, em 29 de outubro de 1987. Levou nota 6 na avaliação de "O Globo", jornal para o qual afirmou ter se surpreendido com a forte marcação do Grêmio. O meio-campo rival Casemiro o anulou. Na véspera do duelo, em entrevista descontraída a Tino Marcos, disse que faria os gremistas chorarem. 

Edmundo perde a linha

Embora ainda não fosse tão ídolo dos vascaínos quanto é hoje, Edmundo provocou a ira dos cruz-maltinos ao trocar o Palmeiras pelo Flamengo em 1995. No primeiro e único duelo contra o ex-time de rubro-negro, foi mal, levou nota 2 de "O Globo", mas chamou atenção por um de seus inúmeros atos polêmicos. Xingado pela torcida do Vasco, balançou a genitália para ela.

Guerrero é vaiado, derrotado e passa em branco

Ídolo corintiano sobretudo após o gol que valeu aos paulistas o título mundial de 2012, Guerrero foi perseguido durante os 90 minutos no reencontro com o Corinthians, em 25 de outubro de 2015. Levou amarelo, comemorado como um gol pela torcida rival, e o Flamengo perdeu por 1 a 0. Vagner Love, muito querido pelos rubro-negros, marcou e festejou sem qualquer constrangimento.

Flamengo x Santos: busca pelo vice é prioridade

Ao longo da semana, a principal tarefa de Zé Ricardo para este domingo foi manter a motivação do Flamengo em alta para garantir a segunda posição e, consequentemente, uma premiação R$ 3,4 milhões maior do que a do terceiro colocado. Além disso, vencer a primeira e única partida no Maracanã em 2016 ajudaria a amenizar uma temporada de resultados frustrantes. 


Depois de três empates em três jogos no estádio, Zé considera mudar a tática da equipe com a entrada de um jogador de meio-campo. Ameaçado de não atuar por causa de um desconforto na coxa direita, Gabriel se recuperou e está à disposição para enfrentar o Santos.

FICHA DO JOGO

Flamengo x Santos

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro

Data e horário: domingo, 17h (horário de Brasília)
Escalação provável: Alex Muralha, Pará, Réver, Rafael Vaz e Jorge; Márcio Araújo, Willian Arão e Diego; Everton, Gabriel e Guerrero.
Desfalques: Ederson (departamento médico).
Pendurados: Alan Patrick, Muralha, Diego, Ederson, Everton, Léo Duarte, Mancuello e Marcelo Cirino.
Arbitragem: Eduardo Tomaz de Aquino Valadão (GO), auxiliado por Alessandro Rocha de Matos (Fifa/BA) e Bruno Raphael Pires (Fifa/GO).
Transmissão: Premiere, Premiere HD e PFCI (com Jader Rocha e Roger Flores) e Tempo Real do GloboEsporte.com.

Fonte: GE 

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub


 
Top