GuidePedia


Depois de dois meses - ou 11 partidas - o Flamengo voltou a perder uma partida no Campeonato Brasileiro. E o placar de 2 a 1 para o Internacional não mereceu queixas, apenas lamentos de Zé Ricardo. O treinador reconheceu que sua equipe passou longe de uma boa atuação e, de início, admitiu que ela pode sofrido a influência da lesão de Everton, que foi substituído aos 17 minutos do primeiro tempo com dores na coxa direita.

- Também acho que começamos a partida bem. Mas não sei se foi coincidência ou não, depois da saída do Everton, principalmente no quesito técnico, fizemos uma partida muito abaixo. Não conseguimos organizar a equipe. Conseguimos o gol, mas a pressão do Inter foi muito grande, acabamos tomando a virada. Fico chateado pelo jogo abaixo - disse Zé Ricardo.

Mas nem por isso o treinador mostrou-se conformado com o futuro do Flamengo na competição. Mesmo vendo o Palmeiras se distanciar, abrindo quatro pontos de vantagem a sete rodadas do fim, o treinador deixou clara sua confiança no título.

- Foi um banho de água fria, mas estamos completamente na briga.

Confira outros trechos da entrevista coletiva de Zé Ricardo após a partida

Postura do Inter


Sabíamos da mobilização do clube, da direção do Inter, um quesito psicológico muito intenso. Perdendo por 1 a 0, tentamos segurar um pouco a bola no ataque, mas erramos muito tecnicamente, demos chance para o Inter crescer. Dessa forma tomamos o gol de empate e depois a virada. O Inter jogou em cima de um risco muito grande, mas conseguiu o objetivo. 

Análise do jogo

A gente não estava numa boa tarde, tecnicamente não estávamos bem. Foi determinante para o nosso jogo ruim a questão da parte técnica. Temos ainda uma parte boa do campeonato, temos que evoluir nesse sentido também.

Apagão

Como o Gabriel sentiu o desgaste, colocamos o Alan Patrick para ter mais posse de bola, isso infelizmente não aconteceu. A gente acabou tendo que amargar essa derrota. Achava muito difícil conseguir nove vitórias, três derrota depois, as equipes que estavam ali brigando, pelo menos três já tiveram perda de pontos. Não foi uma rodada boa, vamos trabalhar bastante para recuperar contra o Corinthians, adversário de alto nível. Temos que nos preparar. Estamos na briga ainda, muito na briga. Não tem outro remédio. 

Abalo na disputa do título

Foi um banho de água fria, mas estamos completamente na briga. Sabemos que podemos render muito mais. Temos uma equipe forte, que já provou isso. Tanto dentro como fora de casa. Temos condição de fazer um resto de competição forte. Nos perdemos no gol de empate do Inter, não tivemos condição de buscar o empate. 

Volta ao Maracanã

Grande expectativa contar com a nossa torcida também. Vai ser uma força a mais, com certeza vamos usar desse fator para nos fortalecer. Passada a ressaca, o Flamengo estará forte no domingo que vem. 

Partida ruim de Diego

Diego não fez partida tecnicamente brilhante, mas boa parte da equipe não fez. Tivemos vários atletas num nível mais abaixo. Não poderia responsabilizar ou dar crédito a um atleta apenas. É reconhecer que erramos e trabalhar para melhorar. 

Alterações

Na primeira mudança, Gabriel sairia mesmo. Intenção era ter mais poder dentro do campo. A segunda eu fiz uma alteração num momento, ia tirar o Diego realmente, para ganharmos mais ali por trás do Paolo, Emerson de segundo atacante. Com o gol saindo no lance, optamos de fazer um 4-2-4 com Diego por trás, com Emerson mais encostado na área do Inter. A pressão foi muito mais no abafa no que na organização. 

Soco de Alex em Diego

Questão da arbitragem é subjetiva, foi minha 32ª partida pelo clube, não costumo comentar. 


Fonte: GE

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub


 
Top