GuidePedia


Zé Ricardo, técnico do Flamengo, deu mais uma prova de que não pode ser o treinador na Libertadores.
O técnico simplesmente arrebentou com o time no segundo tempo do jogo contra o Atlético-MG.
Zé Ricardo foi mais do infeliz e se não fosse o oportunismo de Guerrero teria deixado o Mineirão derrotado. Pior. Hoje o Flamengo estaria fora do G3.
O time fez um BH um primeiro tempo brilhante. De encher os olhos. Gabriel e Fernandinho funcionaram muito bem tanto ofensivamente quanto defensivamente.
Zé Ricardo, técnico do Flamengo, deu mais uma prova de que não pode ser o treinador na Libertadores.
O técnico simplesmente arrebentou com o time no segundo tempo do jogo contra o Atlético-MG.
Zé Ricardo foi mais do infeliz e se não fosse o oportunismo de Guerrero teria deixado o Mineirão derrotado. Pior. Hoje o Flamengo estaria fora do G3.
O time fez um BH um primeiro tempo brilhante. De encher os olhos. Gabriel e Fernandinho funcionaram muito bem tanto ofensivamente quanto defensivamente.
Enquanto Marcelo Oliveira, chamado de burro, arrumava o Galo, Zé Ricardo ia destruindo o Flamengo aos poucos. Primeiro com a entrada de Emerson na vaga de Gabriel. Depois com Alan Patrick no de Fernandinho.
Pronto.
O Galo estava pronto para virar. Dito e feito. E só não venceu por incompetência.Tinha, como bom mineiro, a faca e o queijo na mão.
E alguns torcedores ainda ousam falar mal do Guerrero.
Bruno Voloch
Fonte: Yahoo Esportes
Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub


 
Top