GuidePedia


Impossibilitado de competir com o poder aquisitivo de Flamengo e Palmeiras, o presidente do Coritiba, Rogério Portugal Bacellar, mostra indignação quanto à forma das equipes de negociar diretamente com o atleta.

“Eu me reuni na quarta-feira com o empresário e o pai do jogador e eles me avisaram que há dois clubes interessados. Infelizmente, é assim que funciona no futebol brasileiro: primeiro fazem a cabeça do jogador para depois irem ao clube, para formalizar uma proposta”, concluiu Rogério Portugal Bacellar.

Toda a quinta-feira foi de novas reuniões entre o Coritiba e os representantes de Raphael Veiga, um acordo não foi selado, mas a diretoria segue otimista e exercerá a preferência em relação a adquirir mais 10% dos direitos econômicos do jogador junto ao Audax-SP, para lucrar mais numa possível venda. 

Raphael Veiga também tem seu nome especulado em Corinthians e Cruzeiro.

AVISO: A CÓPIA DESTE CONTEÚDO É PERMANENTEMENTE PROIBIDA E DE TOTAL AUTORIA DO SITE: www.flamengoatemorrer10.com
O crime de plágio está tipificado no art. 184 do Código Penal, pela leitura in verbs:
Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos:
Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. 

Matéria redigida pelo site: 'Flamengo até morrer' 

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub


 
Top