GuidePedia


Torcedores do Flamengo alimentaram nas redes sociais a expectativa de o Palmeiras perder pontos no Campeonato Brasileiro ao escalar o meia Allione na vitória por 2 a 1 sobre o Sport. A justificativa alegada é a de que o jogador atuou de forma irregular pela expulsão contra o Grêmio, jogo que marcou a eliminação do Alviverde da Copa do Brasil. Alguns lembraram o “caso André Santos” de 2013.
No entanto, a “denúncia” flamenguista não procede e o Palmeiras segue sem a liderança ameaçada por fatores extracampo. O UOL Esporte explica as diferenças entre os casos e mostra que tudo não passou de mais um boato nas redes sociais.
De acordo com o artigo 62 do Regulamento Geral de Competições da CBF, “se ao final de uma competição restar pendente penalidade de suspensão por partida aplicada ao atleta pelo STJD, seu cumprimento se dará obrigatoriamente na primeira partida de competição subsequente coordenada pela CBF, dentre aquelas que estejam em andamento”.
Allione, no caso, só estaria irregular contra o Sport se tivesse sido julgado e punido pelo STJD por causa da expulsão no jogo diante do Grêmio pela Copa do Brasil. Como ainda não houve o julgamento do caso, ele tem condições de atuar sem problemas no Campeonato Brasileiro.
É diferente da questão envolvendo o lateral André Santos em 2013. O Flamengo perdeu quatro pontos na ocasião e quase foi rebaixado em razão da escalação irregular do jogador. Ele foi expulso na última partida da Copa do Brasil – o Rubro-negro sagrou-se tricampeão -, não enfrentou o Vitória na sequência, mas jogou contra o Cruzeiro no encerramento do Brasileirão mesmo depois de ter sido julgado e punido pelo STJD.
Fonte: Uol
Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub


 
Top