GuidePedia


A Confederação Asiática de Futebol iniciou processo contra os clubes árabes Al Nassr e Al Ittihad por dívidas com o Flamengo e o jogador Diego Souza e pode excluí-los da Liga dos Campeões continental. A ação foi movida a pedido do advogado Marcos Motta, que representa tanto o time brasileiro como o atleta.

Na Asia, já foi instalado o regulamento de licenciamento de clubes que estabelece regras financeiras e de estruturas a serem cumpridas pelos times. Calotes em transferências, por exemplo, são motivo para o time ficar sem a licença e portanto não poder disputar competições continentais.

''Fomos notificados na semana passada que iniciaram o processo que tínhamos pedido lá atrás'', contou Motta. Ambos os times disputaram a atual Liga dos Campeões da Asia: o Al Nassr foi eliminado nas quartas de final, e o Al Ittihad, na fase de grupos. O segundo time tem mais chance de se classificar para o próximo ano.

O Al Nassr contratou o atacante Hernane no final de 2014 pelo valor de 6 milhões de euros, mas nunca pagou. Só agora, no meio de 2016, o Flamengo ganhou no CAS o direito a receber 3,1 milhões de euros da primeira parcela.

Já o Al Ittihad deixou de pagar parte dos salários do jogador Diego Souza, hoje no Sport. Os débitos com salários também provocam exclusão de clubes pelo sistema de licenciamento. Ainda não há data para julgamento dos dois clubes.

Fonte: Rodrigo Mattos

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub


 
Top