GuidePedia









Mais um capítulo da histórica rivalidade entre Flamengo e Fluminense será escrito nesta quinta-feira (13). Às 21h (de Brasília), em Volta Redonda, os times medem forças em um duelo decisivo para as pretensões no Campeonato Brasileiro.
Será o 406º encontro entre Rubro-negro e Tricolor. O time da Gávea soma 146 vitórias contra 129 triunfos da equipe das Laranjeiras. Houve ainda 129 empates.
UOL Esporte mostra o que está em jogo para os clubes no estádio Raulino de Oliveira. O Fla-Flu vale muito mais do que os três pontos conquistados com uma vitória.
- O clima pesou durante a organização do jogo. Vencer é questão de honra
Sem a possibilidade de contar com o Maracanã, a dupla Fla-Flu acordou que os clássicos do Campeonato Brasileiro seriam realizados fora do Rio de Janeiro e com renda dividida. O Flamengo desejava a partida no dia 13 para contar com os selecionáveis Alex Muralha e Guerrero - atacante ficou de fora por dores musculares. O jogo foi acertado inicialmente para a Arena da Amazônia, mas a insistência do Rubro-negro em mudar a data irritou o Tricolor - mandante do clássico. O confronto chegou a ser anunciado na Arena Botafogo, com 90% da carga destinada aos tricolores. O Alvinegro recuou e desistiu de ceder o estádio. O jogo foi então transferido para Volta Redonda e com divisões de bilhetes e renda. Embora o discurso seja de unidade, houve um abalo na relação entre as diretorias. Na Gávea ou nas Laranjeiras, virou questão de honra vencer o rival e fechar a batalha de 2016 com um desejado castigo.
- Conquistar os objetivos, mas também frustrar o rival
Todo clássico costuma ter um efeito psicológico importante para a sequência da campanha na competição. Só a vitória interessa para Flamengo e Fluminense. Até o empate está longe de ser considerado um resultado positivo. Vencer o duelo é garantir a manutenção da rota traçada e prejudicar imensamente o rival nas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro. O Rubro-negro persegue o Palmeiras na busca pelo heptacampeonato e a margem para tropeços está cada vez menor. Um revés pode ser fatal na corrida pelo título e a vaga na Libertadores seria uma espécie de "prêmio de consolação". O Tricolor luta para conquistar um lugar na principal competição do continente. A abertura do G-6 facilitou a missão, mas um placar desfavorável complica o processo, já que Botafogo, Grêmio e Corinthians são concorrentes e lutam para entrar o quanto antes no seleto grupo do Brasileirão.
- Flamengo deve garantir vaga na Copa Libertadores em caso de vitória
A corrida do Flamengo é pelo título do Campeonato Brasileiro. No entanto, uma importante conquista está em jogo contra o Fluminense. Com 57 pontos, o Rubro-negro precisa de mais dois pontos para assegurar a vaga na Copa Libertadores de 2017. As contas da comissão técnica são para o G-6, que tem sido trabalhado com a média de 59 pontos. Vale lembrar, entretanto, que apenas os três primeiros colocados do Brasileirão garantem vaga direta na fase de grupos da competição sul-americana. Independentemente disso, retornar ao torneio é motivo de comemoração nos aspectos técnico e financeiro.
- Fluminense quer quebrar incômodo tabu em Volta Redonda
O Tricolor das Laranjeiras não bateu o Rubro-negro em Volta Redonda. O estádio Raulino de Oliveira ainda não deu sorte ao Fluminense nos duelos contra o maior rival. Foram três jogos na Cidade do Aço - uma vitória do Flamengo e dois empates. Mudar este cenário terá efeito fundamental e trata-se de um dos desejos do Tricolor. São diversas as razões que movimentam o clube das Laranjeiras para o duelo. Findar o tabu, avançar no caminho da Libertadores e deixar o rival em maus lençóis são as principais.
- Vale o 'título' do Fla-Flu na temporada
Flamengo e Fluminense tem protagonizado duelos equilibrados recentemente. Pela rivalidade histórica e cobranças dos torcedores, encerrar o ano com vantagem no confronto é algo bastante celebrado entre as torcidas e também nos bastidores. Em 2016, os times se enfrentaram três vezes. Uma vitória para cada lado e um empate. Quem leva a melhor? Se houver um vencedor, não faltarão motivos para comemorar em razão de tudo o que envolve mais um Fla-Flu com papel decisivo na história dos clubes.
FLUMINENSE X FLAMENGO
Data/hora: 13/10/2016, às 21h (de Brasília)

Local: Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)

Árbitro: Sandro Meira Ricci (SC)
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho (SP) e Marcelo Van Gasse (SP)

Fluminense
Júlio César; Wellington Silva, Gum, Henrique e William Matheus; Pierre e Douglas; Cícero, Gustavo Scarpa e Wellington; Marcos Junior

Técnico: Levir Culpi
Flamengo
Alex Muralha; Pará, Réver, Rafael Vaz e Jorge; Márcio Araújo, Willian Arão e Diego; Alan Patrick (Gabriel), Everton (Fernandinho) e Leandro Damião
Técnico: Zé Ricardo


Fonte: UOL Esporte

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:➔ http://migre.me/tbpub



 
Top