GuidePedia




A multa rescisória de uma de suas principais revelações tira o sono do Coritiba.

O time do Couto Pereira corre para renovar o contrato do meia Raphael Veiga após assédio de Flamengo, Palmeiras e Cruzeiro no mercado. O presidente Rogério Bacellar tem reunião marcada com o empresário Luiz Alberto de Oliveira na próxima quinta-feira e trata o assunto pessoalmente após avaliação interna de que o diretor Alex Brasil não conduziu como deveria as conversas.

O detalhe é que o jovem jogador de 22 anos já havia prorrogado o seu vínculo até o fim de 2017 no último mês de julho.

Na ocasião, o estafe do atleta pediu três anos de contrato, mas o clube topou apenas um ano e meio.

Para piorar, manteve uma multa baixa: com apenas 60% dos direitos econômicos, a equipe ficaria hoje com apenas R$ 5,8 milhões dos R$ 9,7 milhões previstos no acordo. Um valor considerado acessível para compra.

Os outros 40% pertencem ao Audax São Paulo, que, conforme apuração da reportagem, não se opôs ao ser procurado por interessados.

"Existe o interesse do Coritiba em renovar o contrato, fizeram isso dois meses atrás e agora querem de novo. Basicamente, por causa de seu desempenho e da multa", confirma o empresário Luiz Alberto ao ESPN.com.br.

Raphael Veiga é um dos destaques da arrancada do Coxa, que, sob o comando de Paulo Cesar Carpegiani, chegou a flertar com a Libertadores, mas agora se concentra na briga contra o rebaixamento. O camisa 20 tem dois gols no campeonato.

Ao lado de Iago Dias, Juninho e Dodô, ele é mais um fruto do trabalho de formação paranaense.

Fonte: Espn

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub


 
Top