GuidePedia


Cobrando R$ 300 mil do Flamengo na Justiça com uma ação trabalhista, em que reclama diferenças nos depósitos de direito de arena entre os anos 2011 e 2015, mais horas extras e adicional noturno pelas concentrações do time, o lateral-direito Leo Moura, do Santa Cruz, logo foi atacado nas redes sociais por rubro-negros.

“Acabou o amor”, postou um torcedor.

“Mercenário”, escreveram vários deles.

“Sacanagem @leomoura23, cobrar horas extras?? Mancha desnecessária na sua história no Mengão”, disse mais um.

Procurado pela reportagem do EXTRA desde segunda-feira, Leo disse “não ter nada a declarar” sobre o assunto (ação trabalhista). O Flamengo se posicionou através do vice jurídico Flávio Willeman, nesta quinta.

- O Flamengo vai se defender em juízo. Lamenta a postura do atleta, pois pagou todos os direitos trabalhistas que ele tinha e ainda o homenageou com uma despedida - disse Willeman.

Fora da partida contra o Palmeiras, nesta semana, por suspensão, Leo Moura esteve no Rio de Janeiro e compareceu ao TRT na segunda-feira pela manhã para uma audiência do processo. Ele estava acompanhado do advogado Leonardo Laposta Costa.

Flamengo e o jogador se encontrarão no Tribunal no dia 22 de junho de 2017.

Flamengo e Santa Cruz se enfrentam neste domingo, no Pacaembu, em São Paulo. O Rubro-negro precisa vencer para não deixar o Palmeiras se distanciar na liderança.

Leo Moura defendeu o Flamengo entre os anos de 2010 e 2015, tendo realizado 519 jogos com 47 gols marcados.

Fonte: Extra Globo

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub


 
Top