GuidePedia


Apesar de insistir e apostar em acerto para administrar o Maracanã, o Flamengo tem uma carta na manga. Enquanto aguarda definição a respeito de como será feita a nova licitação do Maracanã, o Rubro-Negro estuda proposta de permuta envolvendo o Edifício Hilton Santos (sede do Morro da Viúva). O clube trocaria o prédio no bairro do Flamengo, na Zona Sul, por um terreno para construir o estádio próprio.

A situação ainda é tratada em sigilo. Principalmente porque o plano A continua sendo acordo satisfatório para a utilização do Maracanã. O grupo que fez a proposta oferece um terreno que fica na Zona Oeste do Rio, com cerca de 90 mil metros quadrados.

 - Realmente houve uma proposta nesse sentido, não posso entrar em detalhes, mas continuamos aguardando o desfecho da situação envolvendo o Maracanã - disse o vice-presidente de patrimônio do Flamengo, Alexandre Wrobel.

Sem poder usar o Maracanã durante praticamente toda a temporada 2016, o Flamengo vem jogando fora do Rio de Janeiro. A opção que acabou agradando mais foi o estádio Kleber Andrade, em Cariacica (ES), onde a equipe só perdeu uma vez e ganhou sete. O time também mandou jogos em outras cidades como Brasília, Natal e São Paulo.

O Flamengo retomou o controle do prédio do Morro da Viúva em janeiro. Na ocasião. o Conselho Deliberativo do clube aprovou o distrato da escritura de locação à REX, braço imobiliário da EBX, de Eike Batista. A empresa havia arrendado o prédio em 2013 para a construção de um hotel, mas acabou por deixar o local abandonado.

Fonte: GE

Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub


 
Top