GuidePedia


O Flamengo tenta confirmar a classificação para as quartas de final da Copa Sul-Americana nesta quarta-feira, às 21h45 (horário de Brasília), no Estádio Kleber Andrade, em Cariacica-ES, onde recebe o Palestino, do Chile, em choque válido pela rodada de volta das oitavas de final. De olho no Campeonato Brasileiro, onde aparece apenas com um ponto a menos que o líder Palmeiras, o Rubro-Negro vai preservar alguns titulares.
Na partida de ida o Flamengo venceu por 1 a 0 e com isso tem a vantagem do empate nesta quarta-feira. Já os chilenos, se devolverem o 1 a 0, forçarão a disputa de pênaltis. Qualquer outro triunfo do Palestino elimina os brasileiros, pois os gols anotados como visitante valem para critério de desempate.
Zé Ricardo, técnico do Flamengo, minimizou a vantagem obtida na ida, procurando deixar claro que a classificação ainda não está totalmente assegurada.
“O Palestino não tem um time ingênuo e esteve bem em boa parte da partida de ida. Portanto, não podemos ter descuidos, pois assim eles vão se aproveitar e podem complicar a nossa partida. O Flamengo tem a condição de jogar em casa e se impor, mas vamos com o pensamento de que precisamos ganhar”, disse Zé Ricardo.
A vantagem, porém, deu mais respaldo a estratégia que tem sido usada de poupar alguns atletas do desgaste excessivo. Para o compromisso desta quarta, Diego, Réver, Jorge, Willian Arão, Gabriel e Everton nem sequer foram relacionados e ficaram no Rio de Janeiro. Leandro Damião, que voltou a treinar esta semana após se recuperar de lesão no adutor da coxa, também não viajou.
O time será reforçado de reservas que são considerados quase titulares por Zé Ricardo, como o zagueiro Juan, o volante colombiano Gustavo Cuéllar e os meias Alan Patrick e Fernandinho. Autor do gol na partida de ida, o atacante Emerson Sheik disputa vaga no com Marcelo Cirino. Guerrero aparece no comando do ataque, e Paulo Victor deve ganhar oportunidade no gol para pegar ritmo de jogo, já que Muralha se apresentará à Seleção Brasileira.
Pelo lado do Palestino, o técnico Nicolas Córdova procura manter o otimismo. Na visão dele, os comandados devem se esquecer do resultado da ida, mas não da maneira como o time se comportou.
“O Palestino esteve superior a maior parte do tempo na partida de ida, mas infelizmente no futebol isso significa muito pouco e o que vale mesmo é a bola dentro da rede. Portanto, temos que nos colocar em campo como fizemos no Chile, sem nos intimidarmos, mesmo diante de um grande do futebol sul-americano. Só que dessa vez temos que ser mais eficientes do que fomos na partida de ida, pois só assim vamos surpreender”, disse Córdova, que não quis revelar a escalação que pretende utilizar, mas que vai manter a base que atuou no confronto de ida.
O classificado do duelo entre Flamengo e Palestino vai medir forças nas quartas de final com quem avançar do encontro entre o La Guaíra e o San Lorenzo, da Argentina, que se enfrentarão nesta quinta-feira na Venezuela. No confronto de ida os argentinos ganharam por 2 a 1 e agora terão a vantagem do empate.
Fonte: ESPN
Curta nossa página no Facebook:http://migre.me/tbpub
Siga-nos no Twitter:http://migre.me/tbpub


 
Top